Contar histórias para crianças é uma das formas mais antigas e poderosas de ensino e ainda pode ser um excelente momento de diversão e de interação familiar.  E o mais legal é que ele pode acontecer a qualquer hora: antes de dormir, durante o banho, no carro, no parque, no berço, no tapete da sala, enfim, toda hora é hora para uma boa história! 

Outra vantagem é que você não precisa de grandes apetrechos, ou gadgets especiais, nem nada. Basta um livro, ou um enredo improvisado, baseado nos contos clássicos ou naquela sua história de infância divertida, que com um boa dose de dramatização, pode se tornar ainda mais interessante – e exclusiva!! 

“Se você quer que seus filhos sejam inteligentes, conte-lhes histórias. Se você quer que eles sejam brilhantes, conte-lhes mais histórias”

Albert Einstein

Se você deseja que as crianças ouçam ativamente e entendam a história, você deve lê-las com emoção. Mude o tom de acordo com os sentimentos e emoções descritos e abuse da linguagem corporal para transmitir ideias da maneira exata. Lembre-se: Uma narrativa perfeita é uma narrativa bem encenada. 

Mas para que a atividade seja positiva e prazerosa, é preciso também saber quando parar de contá-la, para que não se torne cansativa e maçante. Portanto, preste atenção à reação do seu filho para identificar se ele está curtindo ou não. Caso a reação não seja a esperada, não insista. Tente outra atividade e retome a contação de histórias em outro momento.

Abaixo, separamos alguns benefícios que as histórias trazem para o desenvolvimento de bebês e crianças, principalmente na primeira infância.

Compreensão cultural

Contar histórias permite que as crianças experimentem mundos, países e tradições diferentes. Por isso, histórias que se passam em ambientes novos podem ajudar a desenvolver uma apreciação por outras culturas.

Empatia

Foi comprovado que a narração de histórias ajuda a desenvolver um senso de empatia, pois as crianças são incentivadas a se colocarem na posição de protagonistas, para considerar suas ações e reações e por que os personagens podem feito tais escolhas,

Curiosidade e comunicação

Ler para uma criança pode aumentar sua vontade de se expressar e comunicar seus pensamentos e sentimentos. Portanto, incentive para que eles participem do enredo e decidam algumas características dos personagens da história. Você também pode pedir para eles escolherem como cada um dos personagens vai se comportar diante de uma escolha ou para que eles analisem se fariam algo diferente, se estivessem no lugar desse personagem. 

Vocabulário

Boas histórias são a maneira perfeita de ampliar o vocabulário da criança, pois ela pode conhecer novas palavras e até aprender alguns sinônimos e antônimos. Então, sempre peça para que eles perguntem quando não entenderem uma palavra e tente explicá-la da melhor forma possível. 

Criatividade

A narrativa também incentiva as crianças a serem criativas e a usarem sua imaginação para criar o cenário, os personagens e a história conforme ela se desenrola. Em vez de receber as imagens que acompanham as palavras, como acontece ao assistir a um filme, a criança é capaz de construir o mundo no qual a história se passa para si mesma.

Foco e habilidades sociais

Por meio da contação de histórias, as crianças são incentivadas a ouvir os outros, aprendem a ser mais pacientes e a deixar que os outros falem. Também é uma forma de começar a entender que nem todo mundo irá interpretar as coisas da mesma maneira que eles.

Ou seja, através das histórias, as crianças conseguem abrir uma janela para novos e diferentes mundos, tendo oportunidade de aprender novas ideias e informações. De forma lúdica e leve, elas poderão aprender lições de vida valiosas, construir valores importantes e se tornar mais conscientes sobre as diferenças existentes no mundo e, principalmente, a importância de se respeitar todas elas.